Por Favor aguarde...
 
   Lembrar dados
 
   Esqueci-me da password
 
 
 

Qual a importância que dá à ecologia no dia-a-dia?

Ver Resultados

Aquecimento global: espécies migram para maiores altitudes

Aquecimento global: espécies migram para maiores altitudes

Devido às mudanças climáticas várias espécies animais e vegetais são obrigadas a migrar para altitudes mais elevadas. Este êxodo já se faz notar na América Central e na Califórnia, referem os estudos publicados na sexta-feira pela revista Science.


Os autores do estudo referem que desde há 30 anos que a temperatura nas zonas «tropicais» aumentou mais de 0,75 graus Célsius. Prevêem também uma subida em mais de 3 graus durante o século seguinte.


O aquecimento que se registará em final de século traduz-se em 600 metros de altitude, ou seja, as espécies terão de migrar essa altitude para puderem ter a temperatura de hoje, refere Robert Coldwell, um dos autores do estudo.


Afirma ainda que estas migrações já acontecem a latitudes mais temperadas, onde se registou maiores subidas de temperatura.


Já foi registado migrações de espécies vegetais, nos Alpes, no Parque Nacional de Yosemite e nas montanhas da Serra Nevada (Califórnia), como é referido noutro estudo publicado na revista Science. Registou-se também que inúmeros mamíferos migraram forçosamente para maiores altitudes, neste estudo agora publicado.


Esta publicação vem reforçar a ideia de preservação do ambiente pois o problema centra-se na migração forçosa de vários animais e plantas para puderem sobreviver às mudanças climáticas.


Estas migrações poderão nem chegar a ser realizadas devido à «mão» humana que tem vindo a destruir os habitats naturais de inúmeras espécies. Isto leva a que as espécies não consigam realizar esse êxodo.


13-10-2008

  • Portugal: Reciclagem de electrodomésticos

    Segundo a Lusa, a Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos de Equipamentos Eléctricos, estipulou a fasquia para 30 mil toneladas a reciclagem deste género de equipamentos.

  • NF3: Nova ameaça no efeito de estufa

    Trifluoreto de azoto (NF3), é o nome do gás com um elevado teor de efeito estufa. Houve grande surpresa ao descobrir-se que este gás é quatro vezes mais abundante na atmosfera do que inicialmente se pensaria.

  • Mergulhadores recolhem lixo do mar

    «ProjectMar», projecto a nível nacional com o intuito de recolher o lixo do fundo do mar, foi iniciado no passado dia 15, no Parque Natural da Arrábida.

  • Boleia entre ouvintes e leitores

    «Santiago», grupo de comunicação social, tem vindo a promover a partilha de transportes entre leitores e ouvintes dos seus jornais e rádios na localidade de Guimarães.

  • Bandeira verde para Sintra

    Sintra foi o município vencedor do concurso «Cidades Limpas 2008». Este concurso foi desenvolvido a nível nacional e visa distinguir o trabalho ambiental feito pelos municípios.

  • Andar produz energia

    Biomechanical Energy Harvester é o aparelho que aplicado na perna, gera energia suficiente para activar iPods ou dez telemóveis em simultâneo.

  • Mudanças climáticas perturbam portugueses

    Havas Media apresentou ontem, um estudo internacional onde consta a preocupação dos portugueses face às mudanças climáticas - «A percepção do consumidor sobre as alterações climáticas e o seu impacto na vida das empresas e das marcas».

  • Carris lança aluguer de carros partilhados

    A Carris apresentou no passado dia 30 de Setembro, um novo serviço, designado por «Mob Carsharing». Esta iniciativa irá permitir o aluguer de carros por períodos de tempo bastante curtos, mediante o uso do cartão «Lisboa Viva».

  • EU: Redução de CO2 poupa 26 mil milhões de euros

    Segundo um estudo realizado por três associações ambientais, Aliança Saúde e Ambiente, Rede de Acção Climática e o Fundo Mundial para a Natureza Europeia, a partir de 2020, a União Europeia ao reduzir até 30 por cento das emissões de gases com efeitos de estufa, pouparia mais de 26 mil milhões de euros.

  • Água dos rios portugueses chumba na qualidade

    A Quercus divulgou um estudo no Dia Nacional da Água (1 de Outubro), em que se analisou a qualidade da água nos rios de Portugal. Os dados mostram que 25 por cento têm má qualidade, 5 por cento apresentam qualidade muito má e 40 por cento com índices razoáveis.

  • Expo Água 2008 em Oeiras

    Nos dias 21, 22 e 23 de Outubro, no núcleo Central do TagusPark em Oeiras, realiza-se a Expo Água 2008.

Notícias por mês:  
 
Votar

 
comments powered by Disqus